Quem tem criança sabe , não dá para ficar sem frutas e verduras . Com os preços em alta , precisei bolar um plano B aqui em casa .

Evitando os alimentos mais caros e procurando oferecer uma boa variedade , além de usar produtos da época e de produtores da cidade , uma das opções são os alimentos congelados . Apesar de muita gente achar o contrário, congelar comida é sim um hábito saudável que preserva nutrientes e ainda diminui os níveis de desperdício. E, para tornar essa prática mais fácil e cotidiana, alguns alimentos podem ser chamados de “coringas”, por serem utilizados em mais de uma preparação.

Congelar é sinônimo de preservar. Resfriados a menos de 18° C, que é a temperatura do freezer, os micro-organismos param de se desenvolver e não estragam o alimento. O congelamento mantém o alimento mais próximo do seu estado natural.

Como congelar legumes e verduras?

Existe uma técnica conhecida como branqueamento para congelar alimentos. Primeiro você deve lavá-los e cortar em talos. Depois, mergulhe o alimento em água fervente por alguns segundos e em seguida coloque em água gelada. Isso evita que eles cozinhem com o calor.

Coloque os vegetais em sacos plásticos e leve ao congelador. Tire todo o ar de dentro da embalagem, caso contrário eles ficarão sem sabor e com textura áspera. Para consumir, o alimento deve ser cozido depois de descongelado.Porém, um cuidado importante a se tomar é respeitar o limite de seis meses de armazenamento para os alimentos.

Quase todos os legumes podem ser congelados , com exceção da batata. Porém, como purês, as batatas congeladas ficam perfeitas.

Como congelar frutas?

Corte em pequenos pedaços e lave as frutas, se sua fruta escurece com o oxigênio como bananas o ideal é adicionar um pouco de suco de limão para evitar que isso aconteça.

Agora que já esta tudo pronto aconselho a deixar as frutas bem secas, forrar uma forma ou prato com papel manteiga e dispor as frutas picadas em uma única camada, leve para congelar assim aberto até que fiquem congeladas e não grudem, só depois de congeladas devem ser armazenadas em saquinhos ou potes para congelamento.

O uso mais indicado das frutas após o congelamento é no preparo de doces em calda, geleias, purês, sucos, vitaminas, sorvetes e recheios de bolos. O congelamento pode ser feito de quatro formas:

– Ao natural: lave, descasque, retire os caroços e embale em sacos plásticos. O tempo de conservação varia de quatro a seis meses.

– Como polpa ou purê: descasque, retire as sementes e bata no liquidificador. Para as que
escurecem, acrescente uma colher de sopa de suco de limão. Coloque o purê em formas individuais, deixando um centímetro de espaço para expansão. Feche bem e leve ao freezer por até 12 meses.

Tome cuidado com o que não pode ser congelado

Quase todos os alimentos podem ser congelados com segurança para serem consumidos depois. Logo, o mais importante é conhecer aqueles que não podem passar por esse processo por perderem seu sabor e suas características, como:

• alimentos em creme, como iogurte, maionese e creme de leite;

• batatas;

• folhas, como alface, rúcula e espinafre;

• gelatinas;

• ovos;

• pudins;

• queijos cremosos.

Anúncios

Escrito por Dra Fernanda Naka

Pediatra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s