Quantas histórias já ouvi de casos aonde a criança que passou vontade de comer algo ou ter um brinquedo e evoluiu com febre . Será mesmo verdade?

As crianças são curiosas e estão em fase de descoberta do mundo , experimentando sabores novos , explorando o mundo de guloseimas e brinquedos . Então eu te pergunto , qual criança não passa vontade?

Segundo pesquisas, bastam 30 segundos para uma marca influenciar uma criança a querer ou comer o produto anunciado .

Percebe-se, também, que em muitos casos os pais que não conseguem dedicar tempo suficiente aos filhos e se sentem culpados , compensando a sua ausência com presentes e mimos aos pequenos. Para completar, percebe-se que as crianças estão subvertendo os valores e não é raro aparecer um sintoma , geralmente dor , o que leva pais entrarem em desespero !

Afinal a febre : acontece por desejar algo?

Muitos pais procuram o médico para ver se a criança febril tem alguma causa aparente e não raro atribuem a algo ” alguma vontade”.

Pesquisei muito e não achei nada que realmente comprovasse a febre de origem psicológica.

Eu sei , você conhece alguém ou já passou por isso e tem certeza que estou errada . Mas eu te digo , cientificamente , não há nada comprovado.

Os quadros de febre são comuns na criança e podem ser atribuídos a erupção dentária , gripes e viroses . Muitas vezes a criança SÓ tem a febre , com resolução espontânea . Por isso nem sempre a febre isolada revela um desejo não realizado. O quero explicar é o seguinte : febre isolada e de origem não identificada é comum em crianças . Não atribua a uma “vontade” ou a saudades de alguém.

Meu filho ficou aguado ?

Muitas pessoas acreditam, principalmente em algumas regiões do país e aquelas de gerações mais antigas, que quando um bebê fica com vontade de comer alguma coisa que um adulto está comendo e ele não come, pode ficar “aguado”, uma espécie de água na boca de vontade de comer algo que não comeu.

As pessoas ainda acreditam que uma criança aguada pode adoecer e ter febres altas e delírios, que somente será curada quando conseguir comer o que deseja.

Trata-se de um mito e de uma crendice que há muito tempo existe e que acaba passando de geração para geração.

A verdade é que por volta dos 4 meses todos os bebês olham para os adultos quando estão comendo, o que não quer dizer que eles estejam com vontade de comer aquilo, ou estejam “aguados”.

O desejo de comer doce , de ganhar um brinquedo ou a saudade de alguém são comportamentos comuns da criança . Doces são feitos para serem saborosos e as propagandas são feitas para você desejar aquele produto mais do que tudo .

Comprar e matar aquela vontade não faz mal nenhum . O que faz mal é tentar solucionar um problema através do consumo ou da chantagem psicológica .

A necessidade de comer açúcar é dos adultos que já o consomem e não das crianças. Os bebês não conhecem o gosto das coisas até experimentarem. Não podemos dizer que ele prefere tomar um leite adoçado do que um sem açúcar se só dermos o leite para eles. Eles vão aprender o que for mostrado para eles. Há crianças que aceitam, por exemplo, suco de maracujá sem açúcar tranquilamente, pois foram induzidas a isso.

Então, eles não ficam com água na boca e loucos de vontade de comer um brigadeiro se eles verem alguém comendo, pois eles não sabem nem o gosto que tem.

A necessidade é nossa e não do bebê. Muitas vezes a ansiedade também, pois ficamos loucos para ver nossos bebês lambuzados com um bolo de chocolate ou sorrindo em frente a um enorme pirulito. Não tenha pressa, tudo tem seu tempo e hora certa para acontecer.

A ” vontade ” não acontece por uma doença orgânica e nem por ” vermes ” , acredite !

Fica a dica .

Anúncios

Escrito por Dra Fernanda Naka

Pediatra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s