A pele das crianças é mais fina e mais sensível a produtos do que a pele dos adultos. Portanto, os cosméticos desenvolvidos para os menores deve obedecer a algumas regras básicas: ser hipoalergênico, testado dermatologicamente e ter pH idêntico ao da pele da criança. Melhor ainda se o produto trouxer na formulação perfumes delicados e hidratantes naturais.

Sabonete líquido de glicerina com base 100% vegetal, por exemplo, é uma excelente opção, porque limpa sem ressecar, devido à ação umectante e hidratante da substância.A forma líquida ou em barra não faz diferença , mas sim a fórmula do produto.

Mas o meu filho brinca com o cachorro, na terra … não é melhor usar um sabonete antibacteriano?

Para otimizar os efeitos antissépticos dos sabonetes, surgiram os sabonetes antibacterianos que contém, em suas fórmulas, produtos químicos como, por exemplo, o triclosan, utilizado em sabonetes líquidos, e o triclocarban, utilizado em sabonetes em barra. Estes produtos químicos são bactericidas, isto é, tem o poder de matar as bactérias.

Justamente por isso, esses ingredientes em sua fórmula podem ser muito agressivos para a pele sensível do bebê. Na verdade quando usamos esse tipo de sabonete , matamos todas as bactérias , as boas e as más. Por destruir as bactérias boas , que ajudam na proteção da pele , temos uma frequência maior de dermatites e infecções por fungos nestas crianças.

Por estas razões, o FDA (Food and Drug Administration – órgão americano responsável pela fiscalização de alimentos e remédios) mandou que 19 produtos químicos, entre os quais o triclosan e o tricocarban, sejam retirados do mercado. E no Brasil?

Em nota, a Anvisa informou que no Brasil, o triclosan tem o uso previsto para qualquer produto de higiene pessoal, cosmético ou perfume com a função de conservante numa concentração máxima de 0,3%. Já o o triclocarban com 0,2% de concentração máxima. Em outros produtos destinados a serem enxaguados, podem ter concentração de até 1,5%. A Protex, uma das principais fabricantes nacionais, informou que não utiliza o triclosan , somente o triclocarban.

Anvisa disse ainda que tomou conhecimento dos recentes dados relacionados aos riscos decorrentes do uso destas substâncias em cosméticos e está estudando a necessidade de revisão da regulamentação brasileira.

Quando usar estes sabonetes bactericidas?

Recentemente saiu um estudo no qual bebês banhados com clorexidina tiveram 34% a menos de bacteremias ( traduzindo : tiveram menos infecção por bactérias na corrente sanguínea).

Opa , peraí hein? Nada de sair para comprar na primeira farmácia . Este estudo foi realizado em bebês internados em UTI , aonde o meio é altamente infectado.Os antibacterianos só devem ser usados em locais em que haja risco maior de contaminação, como hospitais, ou em casos de pacientes que sofrem de infecções de pele. Em casa, para uma pessoa saudável, água e sabão são o suficiente.

Segundo a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), “a utilização de produtos antissépticos (o mesmo que antibacterianos) é recomendada sempre que identificado risco de contaminação, como: utilização de sanitários; manipulação de alimentos (principalmente em restaurantes); indústrias de fabricação de medicamentos; farmácias; hospitais (áreas não críticas); consultórios, inclusive odontológicos; regiões com ausência de saneamento básico e tratamento de lixo; etc”.

Se for usado em excesso, tanto o sabonete comum quanto o antibacteriano ressecam a pele. A pele ressecada fica mais vulnerável a alergia e minifissuras, que são a porta da entrada para novas bactérias. O recomendável é só usar sabonete quando chegar da rua, em áreas de proteção (em hospitais), após usar o banheiro e antes das refeições.

Não use este tipo de sabonete no banho , principalmente em bebês . Não serve como prevenção de assaduras ou como tratamento de doenças de pele. Nestes casos , o uso irá piorar a lesão.

Fica a dica.

Anúncios

Escrito por Dra Fernanda Naka

Pediatra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s