O travesseiro tem papel indispensável na vida das pessoas quando se trata de uma noite de sono de qualidade. Afinal, o que seria de uma noite confortável sem ele?

Poucas pessoas sabem, mas os travesseiros possuem prazo de validade : especialistas recomendam a sua troca a cada dois anos. Isto porque, os travesseiros são um dos locais preferidos dos ácaros .São da mesma classe das aranhas (aracnídeos) e, em média, possuem menos de um milímetro de comprimento. Vivem 2 a 3 meses, durante os quais acasalam 1 a 2 vezes, dando origem a uma postura de 20 a 50 ovos. O período mais propício para o acasalamento é entre a Primavera e o Outono. Se alimentam de pele humana e de outros animais.

Como são muito pequenos, os ácaros costumam chegar em nossas casas através do vento. Como a maioria dos aracnídeos, conseguem sobreviver em diversos ambientes, como nos colchões, tapetes, almofadas, sofás, bonecos de pelúcia e roupas de camas.

Não são os ácaros que nos causam alergia, e sim componentes presentes em suas fezes e os próprios restos da decomposição destes animais, que são quase invisíveis a olho nu.

Para se ter uma ideia, com seis meses de uso um travesseiro já contém cerca de 300 mil ácaros, e, após dois anos, até 25% do seu peso é formado por ácaros vivos, mortos e suas fezes.Enquanto você dorme, milhares destes aracnídeos estão andando pelo seu travesseiro e se alimentando das secreções eliminadas por sua cabeça e dos seus filhos , provocando tosse , coceira no nariz e olhos .

O que fazer ?

Não é indicado colocar o travesseiro ao sol

É usual cometer o erro de expor os travesseiros ao sol.Porém, no caso dos travesseiros, a moradia dos ácaros e micro-organismos não é a superfície, e sim o seu interior. Se o travesseiro for exposto ao sol, ocorre um aquecimento no seu interior, ambiente com umidade. A elevação de temperatura causa aumento acentuado da proliferação de ácaros, fungos e bactérias, além de acelerar a pulverização das fezes e cadáveres de ácaros, elementos altamente alergênicos.

Além disso, a radiação ultravioleta oxida a superfície do material do travesseiro, deixando-a amarelada. Por isso, o ideal é sempre arejar e ventilar o travesseiro, protegido por uma fronha, sempre com luz indireta. Esta medida irá aumentar a saúde e a durabilidade do travesseiro.

Todo travesseiro pode ser lavado

Não . Apesar de existirem travesseiros que são laváveis, a grande maioria retém grande quantidade de umidade no seu interior mesmo quando aparentemente já estão secos (superficialmente).

Um teste fácil para comprovar a eficiência da secagem é pesar o travesseiro antes e depois de lavar. As pessoas ficarão espantadas com a diferença de peso, que indica a grande quantidade de água retida no travesseiro.

Use produtos específicos

Colchões , bichos de pelúcia podem ser higienizados com aspirador de pó e a solução ADF .

É recomendável trocar a fronha uma vez por semana e lavar a capa protetora uma vez por mês.Capas anti ácaros são boas escolhas para melhorar a higiene do seu travesseiro.

Você encontra na http://www.allergicbrasil.com

Fica a dica.

Anúncios

Escrito por Dra Fernanda Naka

Pediatra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s