Seu filho reprovou no final do ano letivo ou passou raspando? Talvez ele não goste da matéria ou tenha pavor da professora ( toda professora de matemática é brava!) .

Por que a matemática tem a fama de ser uma matéria tão difícil? Afinal , ela está presente no nosso dia a dia , dos jogos eletrônicos ao troco no lanche da escola . Será que os pais transmitem esse medo da matéria aos filhos?

Com certeza ! A aflição dos pais pode pesar sobre as crianças e por esse motivo, frases como: “Eu nunca aprendi” ou “Você vai ver como é difícil”  não vão ajudar seu filho em nada. Do mesmo modo, se você foi uma criança que “a-ma-va” a matéria e ia bem sem muito esforço, se gabar ou subestimar as dificuldades do seu filho pode atrapalhar.

Uma amiga minha , professora de matemática relatou …” como professora, a matemática é adorada ou detestada, parece um caso de amor ou ódio.Posso  arriscar dizendo que a matemática tem uma herança ruim, pois os professores passavam a idéia que aprender matemática é dificil e só os inteligentes aprenderiam”…

Já ouviu falar de discalculia?

A Discalculia é um tipo de transtorno de aprendizagem caracterizada por uma inabilidade ou incapacidade de pensar, refletir, avaliar ou raciocinar processos ou tarefas que envolvam  números ou conceitos matemáticos. Percebe-se desde muito cedo, mas é na escola que todos os sinais e dificuldades se expressam de maneira clara e explícita.

Estas crianças são muito inteligentes e capazes para a escola, mas surpreendentemente não conseguem manter o mesmo padrão para as atividades matemáticas estejam elas onde estiverem, na geografia ou nas ciências, nas artes ou na educação física.  O diagnóstico requer avaliação de um pediatra , pois não existem exames de imagem ou de laboratório para confirmar, somente sendo concluído mediante testes e correlações com a evolução pedagógica .

Existem métodos que podem facilitar a vida dessas pessoas quando necessitam da matemática. Para melhorar o seu desempenho, o professor deve permitir que o indivíduo utilize tabuada, calculadora, cadernos quadriculados e elaborar exercícios e provas com enunciados mais claros e diretos. Ainda pode estimular o indivíduo passando trabalhos de casa com exercícios repetitivos e cumulativos.

Como estimular a criança ?

Para tornar algo divertido , precisamos torná-la interessante . Separei algumas dicas para você trabalhar com seu filho no dia a dia :

• Na padaria: Peça para seu filho ajudar a calcular quantos pães é preciso comprar. Quantas pessoas são? Quantos pães cada uma vai comer?

• No prédio: Se for de escada, exercite as multiplicações. Quantos degraus há em cada lance? São quantos lances por andar? E quantos andares têm o prédio? Se for de elevador, vale fazer contas com os andares.

• Na pizzaria: Essa é clássica. Quantas fatias têm a pizza? Se você comeu dois pedaços, qual é a fração correspondente? E meia fatia, qual fração da pizza representa?

• Na loja:Peça ajuda ao seu filho para calcular o troco das compras. É uma boa chance tanto de treinar adições e subtrações quanto de trabalhar números com vírgulas.

• Na cozinha: Preparar receitas é uma boa forma de acostumar seu filho a trabalhar conceitos de medida. Uma xícara de leite, meia de farinha, três quartos de um tablete de manteiga. Quer aplicação mais prática – e deliciosa – para as  frações do que essa?

• Jogos : xadrez , tabuleiros e até jogos eletrônicos . Um exemplo disso é o jogo Minecraft , semelhante a um Lego virtual , aonde é possível explorar diversos conteúdos matemáticos como: contagem simples, análise combinatória, área, perímetro, volume, seqüências, potenciação, radiciação, funções de 1º e 2ºgraus bem como seus gráficos, ângulos, plano cartesiano, geometria básica …e muito mais!

Usar o dedinho na conta de matemática atrapalha?

Uma pesquisa da Universidade Sheffield Hallam (Reino Unido) comprovou que usar os dedos durante os exercícios pode contribuir positivamente .O estudo, que acompanhou 137 alunos entre 6 e 7 anos, demonstrou que aqueles que faziam as contas com a ajuda dos dedos se saiu melhor do que aquelas que só fizeram a conta tradicional.

Vamos retirar essa bagagem da matemática ser abstrata e complicada . Afinal , não só os gênios são bons em fazer cálculos e lidar com números .Não há a necessidade de colocar em uma escola especializada para aprender , vamos nos divertir !

Fica a dica.

Anúncios

Escrito por Dra Fernanda Naka

Pediatra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s