O que fazer quando uma criança tem convulsão

A convulsão ocorre por meio de uma descarga elétrica neurológica “errada”.Durante o evento , a criança perde os sentidos e cai, os olhos ficam brancos, o corpo fica rígido e os braços e pernas se movem de forma brusca e irregular.

Quase todas as convulsões duram menos de 5 minutos , mas como muitos pais não saber como agir , esse tempo parece durar uma eternidade. Neste artigo vou esclarecer algumas dúvidas comuns .

Causas

As causas mais comuns são

1) febre alta em crianças com menos de 5 anos;

2) doenças como meningites, tumores cerebrais;

3) traumas de cabeça ;

4) distúrbios metabólicos, como hipoglicemia em pacientes diabéticos;

5) Intoxicação por ingestão acidental de substâncias : medicações , plantas , produtos de limpeza.

Crise convulsiva por febre

É a causa mais comum de convulsão em crianças. Mais frequente entre 6 meses e 5 anos. A chance de recorrência é maior quanto menor for a criança. A causa é desconhecida: parece que a febre diminui o limiar convulsivo em crianças susceptíveis. Pode haver predisposição genética.

Nem todas as crianças sofrem convulsões, mesmo com febre muito alta. Em alguns casos, ao contrário, as convulsões ocorrem assim que a temperatura começa a subir, antes mesmo que os pais notem que a criança tem febre.

Embora assustadoras, as convulsões febris habitualmente não representam risco de vida nem deixam sequelas neurológicas posteriores. O fato de a criança ter tido um acesso convulsivo durante um episódio febril não significa necessariamente que ela terá novas convulsões nas febres seguintes.

O risco de uma criança ter uma segunda crise por febre é baixo: só 25% a 30% das crianças que tiveram uma convulsão por febre vão ter a segunda.

O tratamento inclui medidas para redução imediata da temperatura com antitérmicos : os pais podem fazer uso do supositório a base de dipirona antes de ir ao Pronto Atendimento.

Sempre em caso de convulsão , a criança deve ser levada a um hospital para uma avaliação do estado de saúde, mas DEVE-SE DIRIGIR ATÉ O PRONTO-SOCORRO COM CALMA E CUIDADO , pois existem estatísticas mostrando que o índice de acidentes de trânsito é muito grande quando os pais levam em emergência os filhos ao pronto-socorro.

Atualmente, não são utilizados remédios a longo prazo para as crianças que tiveram uma só convulsão febril ou mesmo convulsões febris simples de repetição. Caso a convulsão febril se repita, deve haver uma investigação mais completa por um neurologista.

O que fazer

– Afastar outras crianças e curiosos, e deixar um espaço mínimo em que haja circulação de ar;

– Segure a cabeça da criança com as mãos e vire-a de lado para evitar que a criança engula vômitos ou a saliva ;

– Se possível marcar quanto tempo durou a crise e os detalhes da mesma, pois serão de grande valia para o médico da criança;

– Mantenha a calma e compreenda que pode haver um certo período de confusão mental pós crise convulsiva, é normal. A consciência da criança será retomada em breve, e ela não se lembrará do que ocorreu até então, podendo ficar agitada.

O que NÃO fazer

– NÃO puxar a língua ou introduzir a mão e / ou objetos como lenços, pedaços de pano, colher ou qualquer objeto que seja, pois a criança não “engole” a língua;

– NÃO dar álcool ou qualquer outra substância para a criança cheirar (você pode até causar uma intoxicação);

– NÃO amarrar os braços e pernas ou segurá-los na tentativa de prendê-los (pode levar a fraturas ou lesões ).

Após a convulsão a criança pode estar sonolenta e desejar dormir. Isso é normal. Permita que a criança repouse ou durma depois do ataque.Não dê alimentos ou qualquer medicamento até que a criança esteja bem desperta para não correr o risco da criança engasgar.

Fica a dica .

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s