Febre x escola : quando mandar seu filho?

Quando a criança não deve ir à escola? Essa é uma pergunta que confunde muitos pais que estão lidando com filhos doentes.

Na verdade, decidir se uma criança doente deve ir à escola seria muito fácil -se ficou doente, não vai. Simples assim? Não! Se a cada coriza ou tosse, a criança for ficar em casa, com certeza ela permanecerá mais afastada do que deveria.

Manter a criança em casa implica em pais faltando ao trabalho,mobilização de pessoas para cuidar dessa criança e perda do conteúdo escolar e atividades que podem ser importantes no aprendizado. Então, em que situações seria melhor manter a criança afastada da escola,quando ela está doente?

Logicamente, se a criança está prostrada, com vômitos , fica fácil decidir. Porém, como numa boa parte das infecções por vírus, a criança não parece tão mal e fica difícil decidir .

Quando a criança deve ficar em casa ?

Para saber se a criança com mal-estar deve ou não ir à escola, é importante avaliar o quadro clínico e analisar se os sintomas realmente necessitam de repouso.

Vômitos e diarréia

Parece lógico que uma criança com vômitos ou diarreia não deva ir à escola. Mas, muitos pais mandam a criança que está nessa situação para a escola mesmo assim, principalmente se só há diarréia.

As viroses intestinais são extremamente contagiosas, principalmente nas primeiras 24 horas de doença. Portanto, nesse caso, também valeria a regra de aguardar pelo menos um dia para mandar a criança de volta para a escola.

Os vírus são espalhados pelo ar e gotículas de saliva .Imagine sua criança causando uma epidemia de diarreia dentro da escola? Tenho certeza de que você não gostaria de ser responsável por uma situação dessas.

Febre

Um dos sinais que merecem atenção é a febre, que funciona como um alerta de que o corpo não vai bem e necessita de atenção.

Se existe febre, existe uma infecção. E uma criança com infecção não deve ir à escola porque, mesmo sendo medicada e baixando a febre, ela está transmitindo a sua doença para as outras crianças. Além disto, durante o período em que ela estará na escola, poderá haver piora dos sintomas e será necessário observá-la por um tempo.

O correto se sua criança tem febre é só mandá-la para a escola quando ela estiver 24 horas sem febre.

A febre pode ser o primeiro sintoma de muitas doenças contagiosas , como catapora , caxumba e rubéola . Os sinais característicos destas doenças só surgem por conta do terceiro dia de febre , mas a contaminação ocorre antes . Por isso é fundamental que a criança fique em casa, principalmente quando está em investigação do foco da doença .

Conjuntivite

Ao sinal de qualquer irritação ocular , até que se prove o contrário, é uma conjuntivite infecciosa e a criança pode transmiti-la aos coleguinhas . Após o tratamento com antibiótico por 3 dias o risco de contaminação é mínimo , e se autorizado pelo pediatra , o seu filho poderá novamente frequentar as atividades em grupo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s