Álcool gel ou sabonete antibacteriano ?

A pele das crianças é mais fina e mais sensível a produtos do que a pele dos adultos. Portanto, os cosméticos desenvolvidos para os menores deve obedecer a algumas regras básicas: ser hipoalergênico, testado dermatologicamente e ter pH idêntico ao da pele da criança. Melhor ainda se o produto trouxer na formulação perfumes delicados e hidratantes naturais.

Sabonete líquido de glicerina com base 100% vegetal, por exemplo, é uma excelente opção, porque limpa sem ressecar, devido à ação umectante e hidratante da substância.A forma líquida ou em barra não faz diferença , mas sim a fórmula do produto.

Mas o meu filho brinca com o cachorro, na terra … não é melhor usar um sabonete antibacteriano?

Para otimizar os efeitos antissépticos dos sabonetes, surgiram os sabonetes antibacterianos que contém, em suas fórmulas, produtos químicos como, por exemplo, o triclosan, utilizado em sabonetes líquidos, e o triclocarban, utilizado em sabonetes em barra. Estes produtos químicos são bactericidas, isto é, tem o poder de matar as bactérias.

Justamente por isso, esses ingredientes em sua fórmula podem ser muito agressivos para a pele sensível do bebê. Na verdade quando usamos esse tipo de sabonete , matamos todas as bactérias , as boas e as más. Por destruir as bactérias boas , que ajudam na proteção da pele , temos uma frequência maior de dermatites e infecções por fungos nestas crianças.

Não é melhor usar álcool gel?

O álcool em gel, feito a partir do etanol, é um antisséptico — ou seja, tem a função de desinfetar a pele humana. Só que o termo desinfetante geralmente se refere a produtos utilizados em superfícies como mesas , corrimão e objetos .

A ação desinfetante do álcool é bem estabelecida : consegue eliminar mais de 99% dos agentes infecciosos. E o novo coronavírus não é exceção.

Mas eu vi um vídeo …

Em um vídeo que corre pelo WhatsApp, o “químico autodidata” Jorge Gustavo alega que passar álcool em gel nas mãos não é eficaz na prevenção de infecções por vírus e bactérias e que o uso poderia favorecer a transmissão de doenças como a Covid-19, provocada pelo novo coronavírus.

ESSAS AFIRMAÇÕES SAO FALSAS !

A disseminação do vídeo levou o Conselho Federal de Química (CFQ) a liberar uma nota esclarecendo que o álcool em gel 70% é, sim, eficiente para se proteger de vírus e bactérias, assim como lavar a mão com água e sabão.

Lavar as mãos continua sendo fundamental , mas quando adicionado a limpeza com álcool gel , o número de infecções diminui.

Como usar ?

• Pode ser qualquer álcool em gel ? Não ! O álcool precisa ter uma concentração de 70%. Essa é a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS).

• Quantas vezes por dia devo usar o álcool em gel? Não existe um número mínimo de vezes recomendado para o uso do álcool em gel.

• Qual a quantidade certa de álcool gel a ser usada a cada aplicação? O suficiente para atingir toda a superfície das mãos e o pulso. Isso inclui a ponta dos dedos e o dorso das mãos.

E lembre-se ! Álcool gel somente nas mãos e nunca no corpo da criança .

Fica a dica.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s