Não acrescenta em nada fazer a coleta do exame de sangue para COVID , sabia?

Acho que estou com COVID , o que eu faço ? Em casos leves , sem falta de ar , você deve permanecer em casa . Antitérmico ou xaropes podem ser administrados , mas o ideal é manter uma boa hidratação e repouso , evitando fazer uso de medicações para não dificultar o diagnóstico.

Como assim, não vou fazer e dar nada ?

Infelizmente não há até o momento nenhum tratamento específico para a Covid . Por isso a prevenção é essencial . Fazer uso de medicações divulgadas pelas redes sociais , como ivermectina , nitazoxanida ou cloroquina , não tem eficácia comprovada .

As crianças devem ser isoladas de contato social e medicadas com antitérmico e se necessário , encaminhada a unidade básica de saúde de referência em COVID próxima a sua residência . Casos suspeitos devem evitar procurar o consultório infantil para reduzir a transmissão a pacientes saudáveis .

Em caso de falta de ar ou importante queda do estado geral , o paciente deve ir diretamente ao Pronto atendimento .

As características mais marcantes da Covid são a falta de ar e a ausência de olfato e paladar .

Tem exame para fazer ?

Design by Freepik

Após a consulta médica , para auxiliar no diagnóstico, existem alguns exames que são realizados em laboratórios de confiança, hospitais ou na rede pública de saúde.

RT-PCR

RT-PCR (do inglês reverse-transcriptase polymerase chain reaction), é considerado o padrão-ouro no diagnóstico da COVID-19, cuja confirmação é obtida através da detecção de partes do vírus na amostra analisada, preferencialmente obtida de raspado de nasofaringe.

Para realizar o procedimento é necessário ter a solicitação do seu médico. A coleta pode ser feita a partir do 3º dia após o início dos sintomas e até o 10º dia, pois ao final desse período, a quantidade de partes do vírus tende a diminuir.

O teste RT-PCR identifica o vírus no período em que está ativo no organismo, tornando possível aplicar a conduta médica apropriada: internação, isolamento social ou outro procedimento pertinente para o caso em questão.

Sorologia

A sorologia, diferentemente da RT-PCR, verifica a resposta imunológica do corpo em relação ao vírus. Isso é feito a partir da detecção de anticorpos. Nesse caso, o exame é realizado a partir da amostra de sangue.

É recomendado que seja realizado 10 dias após o início dos sintomas. Isso se deve ao fato de que produção de anticorpos no organismo só ocorre depois de um período mínimo após a exposição ao vírus.

Realizar o teste de sorologia fora do período indicado pode resultar num resultado falso negativo. É importante ressaltar, ainda, que nem todas as pessoas que têm infecção por SARS-COV-2 desenvolvem anticorpos detectáveis pelas metodologias disponíveis, principalmente aquelas que apresentam quadros com sintomas leves ou não apresentam nenhum sintoma como as crianças .

Desse modo, podem haver resultados negativos na sorologia mesmo em pessoas que tiveram COVID-19 confirmada por PCR.

Testes rápidos

Estão disponíveis no mercado dois tipos de testes rápidos: de antígeno e os de anticorpos . A vantagem desses testes seria a obtenção de resultados rápidos.

No entanto, a maioria dos testes rápidos existentes possuem sensibilidade e especificidade muito reduzidas. O Ministério da Saúde aponta que os testes rápidos apresentam uma taxa de erro de 75% para resultados negativos, o que pode gerar insegurança e incerteza para interpretar um resultado negativo e determinar se o paciente em questão precisa ou não manter o isolamento social.

Os testes rápidos para COVID-19 são similares aos testes de farmácia para gravidez. No caso do teste para COVID-19, faz-se uso de uma hora de sangue que reage e apresenta uma indicação visual em caso positivo.

Fiz o exame e deu negativo

Pode ter 2 interpretações : você não contraiu a doença ou seu teste foi um falso negativo . Por isso a consulta e orientação de um médico são fundamentais neste quebra cabeça . Fazer o teste antes ou no período inadequado pode oferecer um resultado errado .

A Abramed já recebeu denúncias de quiosques para testagem duvidosa em postos de gasolina, de testes piratas e até de farmácia que vendia exame para a pessoa levar para fazer em casa.

A questão-chave para entender a diferença entre os testes disponíveis para Covid-19, porém, é compreender que as indicações são distintas. Os testes moleculares são indicados para identificar infecção ativa. Se a pessoa teve contato com o vírus há poucos dias e começou a apresentar sintomas, faz o teste molecular. Os testes sorológicos são mais indicados para apontar se a pessoa já teve contato com o vírus e se desenvolveu anticorpos. Por isso, precisam ser feitos passado mais tempo do surgimento de sintomas, com 14 dias ou mais de intervalo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s