Conheça os erros mais comuns ao usar o banheiro público

Desde pequena a sua mãe te levava no banheiro, limpava a tampa do vaso, cobria todo o perímetro com papel higiênico e então te mostrava a famosa “posição do paraquedista ” – aquela aonde a gente se equilibra sobre o vaso fingindo de se sentar, mas sem que o corpo entre em contato com a tampa do vaso ou o vaso (só as mulheres sabem como é difícil!).

Afinal, quem não tem preocupação em pegar uma doença usando banheiro público?

É o que atesta uma pesquisa britânica envolvendo 528 mulheres: 85% delas afirmaram que urinam agachadas sobre o assento e 12% o forram com papel antes de se sentar. Apenas 2% afirmaram se sentar encostando realmente no assento.

MAS E AÍ, POSSO PEGAR ALGO NO BANHEIRO?

Parece estranho, mas a resposta é não. Antes de morrer de nojo, a boa notícia é que as chances de contrair uma infecção por simplesmente se sentar em um vaso sanitário público, mesmo cheio de bactérias, são baixas.

Doenças venéreas, como HIV , sífilis ou hepatite não são transmitidas desta forma.

O contato da pele com um assento contaminado não provoca doenças, mas a mãozinha mal lavada é a principal responsável por quadros de diarreias.
Assim, uma mão que tocou em alguma superfície contaminada, se for levada à boca, pode carregar bactérias para dentro do corpo. Essa falta de cuidado pode gerar doenças como gastroenterocolites agudas virais e hepatite A.

No banheiro público, o local mais sujo não é o assento. A tampa do vaso, a maçaneta da porta, as torneiras e os sabonetes em barra podem estar muito mais contaminados .

E SE NÃO TIVER JEITO , TEM ALGUMA DICA ?

Antes de usar , levante a tampa com um pedaço de papel e uselenços antissépticos para limpar o assento antes de usá-lo, evitando uma possível contaminação. Essa dica também pode ser utilizada quando houver gotículas de urina do usuário anterior.

Lave sempre as mãos com sabonete e seque em papel toalha . Se não houver, use álcool gel. Este simples hábito salvaria a vida de milhões de pessoas em todo o mundo, segundo a ONU (Organização das Nações Unidas).

O problema é que, de acordo com pesquisa da Sociedade Americana de Microbiologia, 25% das pessoas não lavam as mãos depois de fazer xixi ou cocô. Para seu próprio bem e o das outras pessoas, não faça parte desse time. Antes de dar aquela mexida no cabelo ou coçar o nariz , lave as mãos .

Ah ! E feche a tampa do vaso ao dar a descarga . As partículas de água contaminada podem são dispersas no ar quando usamos a descarga sem tampa , contaminando todo o ambiente … com cocô e xixi.

NUNCA USE O SECADOR DE MÃOS!

São vários estudos que mostram o ar que sai da máquina pode estar limpo, mas se as suas mãos não estiverem bem lavadas, os germes são espalhados pela corrente de ar – e isso pode transmitir diarréia , pneumonia e gripes como H1N1 e até coronavírus .

Um estudo da Grã Bretanha concluiu que a propagação de bactérias no ar é 27 vezes maior ao redor de um secador do que com as tradicionais toalhas de papel e pior ainda se o secador é um desses novos onde se deve introduzir as mãos entre poderosos jatos de ar.

Se não houver papel , é mais higiênico você secar as mãos na sua roupa.Fica a dica .

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s