Por que observar o cocô das crianças é tão importante ?

Toda mãe já limpou uma bundinha de criança já notou que as fezes mudam quando eles ficam doentes , com a alimentação e muitas outras causas. E essa observação pode ser mais importante do que você pensa.

A cor, formato e a consistência das fezes podem nos ajudar a entender o processo digestivo como um todo e a detectar doenças digestivas ou até mesmo tumores.

O QUE DEVEMOS OBSERVAR?

Formato
Você sabia que tanto as fezes muito líquidas como endurecidas podem estar associados a doenças infecciosas, parasitárias, inflamatórias ou mesmo tumores ? Por isso, se uma alteração no hábito intestinal perdurar, é preciso procurar o seu pediatra.

O formato do cocô reflete a consistência das fezes e eventuais problemas como constipação crônica. Normalmente, aquelas fezes que lembram as de cabrito, em bolinhas, podem sugerir um intestino “preso”, que geralmente está associado a uma lentidão na contração do intestino.

Sim, observar o cocô do seu filho pode diagnosticar precocemente doenças

Já as fezes muito finas —que temos grande dificuldade de evacuar—, quando associadas a sangue, podem sugerir uma obstrução no caminho. O que, por sua vez, pode estar associada a um problema inflamatório ou a um tumor .

De forma bem geral, podemos dizer que a consistência das fezes sugere o quanto tempo elas demoraram para serem evacuadas. Aquelas que demoram às vezes dias nesse processo acabam ressacando mais e ficando bem duras. No caso das infecções intestinais, a passagem é tão rápida que não há a correta absorção de água. E temos a diarreia.

E para avaliar o formato das fezes de uma forma bem prática , nós pediatras usamos a Escala de Bristol. Ela é uma ótima ferramenta para diagnosticar e tratar doenças.

Em crianças e adultos o ideal é que as fezes sejam do tipo 4

Cor
Um dos principais fatores que definem a cor das fezes é a bile, substância produzida no fígado e armazenada pela vesícula. A cor natural é o marrom, mas a paleta de cor vai geralmente de um amarelo claro a um verde-escuro nos bebês, em aleitamento ou não.

Qualquer modificação como ausência da cor das fezes, que na verdade seria a cor creme bem clarinha, pode significar uma alteração do fluxo da bile. Como uma obstrução da via biliar por cálculos ou tumores.

Já as fezes negras, como piche ou borra de café, mais amolecidas e mal cheirosas podem significar um sangramento digestivo. Esse quadro deve ser observado e discutido com seu médico.

Elementos estranhos no cocô? Nem sempre é verme !

Pedaços de comida podem ser encontrados nas fezes, dependendo do tempo de trânsito intestinal .Durante a introdução alimentar é muito comum os pais associarem sementinhas de banana com vermes no cocô.

Alguns alimentos possuem fibras insolúveis, que não se desintegram na passagem pelo corpo e saem inteirinhas. Fibras de mandioca , pedaços de milho podem estar presentes nas fezes e não indicam doença.

E não são apenas restos alimentares que podem surgir : vermes, dependendo do tamanho, podem aparecer nas fezes e na grande maioria dos casos , estão vivos e se mexendo ( ecaaa!! E por favor não mandem foto ou vídeo para o pediatra !)

E quando algo não cheira bem…

Se for só o cheiro, não há muito motivo de preocupação. Somente quando um cheiro muito forte está associado a fezes enegrecidas, aí sim existe a possibilidade de um sangramento digestivo.

O cheiro do seu cocô depende muito do tipo de alimento que você ingere e das bactérias que moram no seu intestino (a chamada microbiota intestinal).

Você não precisa se tornar um fiscal do próprio cocô, fazendo uma análise meticulosa a cada ida ao banheiro. Mas, se houver alguma mudança no seu padrão, fique atento —especialmente se ela envolver sangue, desconforto ou dor— e, se ela persistir, converse com o seu pediatra . Nada de dr Google hein?!

Um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s